Validade da cotação!

Assim como alimentos as cotações de seguro também possuem validade. Comer algo vencido da dor de barriga já uma cotação vencida dor de cabeça. As seguradoras alteram as tarifas com grande frequência e especialmente no seguro de auto. Basta um veículo ou perfil piorar o resultado na sua carteira e em tempo real o custo sobe (as vezes sobe muito). Tem até algumas seguradoras que majoram o valor se o seguro for cotado várias vezes com diferentes corretoras e outras que chegam a bloquear o cliente. Devido a esta grande oscilação algumas companhias nos permitem trabalhar com uma antecedência máxima de quinze dias, qualquer simulação feita fora deste período não serve nem como parâmetro (normalmente a validade das cotações é de sete dias).

Isso é um grande desafio para nós. Já houve situações de enviarmos uma cotação pela manhã e logo após o almoço a tarifa mudar e o custo subir (neste caso conseguimos manter a condição inicial). Assim, não podemos enviar uma proposta com muita antecedência. Se o cliente não autorizar logo em alguns dias a mesma perde a validade e corremos o risco de ter surpresas desagradáveis como aumento (grande) no custo e na franquia por exemplo.

A nossa solução é enviar as propostas com aproximadamente uma semana antes da renovação. Desta forma conseguimos manter todas as condições até o vencimento da apólice e nosso segurado tem bastante tempo para tomar sua decisão de forma tranquila e consciente.

Perfil no seguro de auto!

O perfil é um dos principais fatores que influenciam no custo final do seguro de auto. Por isso essa é uma questão bem complexa e sempre gera muitas dúvidas. Cada seguradora possui o seu próprio banco de dados e estatísticas, assim majora ou reduz o custo dependendo de cada resposta do perfil. Basicamente é levado em conta o CPF/CNPJ do cliente, idade, estado civil, utilização do veículo e até mesmo o CEP de pernoite (se você morar em um bairro com alto índice de roubo de veículos pagará mais caro pelo seguro).

Existem também alguns mitos como:

- O seguro em nome da minha mãe fica mais barato.

Talvez sim, talvez não. Como algumas seguradora utilizam o score do CPF como critério para tarifar o seguro pode ser que fique mais barato, mais caro ou até mesmo que seja recusado se houver alguma restrição. O perfil deve ser sempre do principal condutor e se o veículo for compartilhado deve ser usado a pessoa mais jovem como referência.

- Quando eu fizer 25 anos o seguro ficará mais barato.

A tendência é que quanto mais experiente o condutor melhor será o custo do seguro, contudo não existe uma idade ou linha de corte. Essa redução é gradativa e acontece ano a ano.

- Carro com rastreador tem seguro mais barato.

Vai depender se o rastreador é homologado pela sua seguradora. Normalmente o custo do rastreador é bem maior do que o desconto no seguro.

Vale a pena ressaltar que qualquer resposta visando redução de custo que não seja verdadeira pode acarretar em um recusa na hora do sinistro (isso é fraude). Ou seja, nunca minta para a seguradora porque o barato pode sair muito caro.

O "segurado" é o dono da apólice, desta forma não é recomendável fazer o seguro em nome de outra pessoa por alguns motivos:

1) Esta pessoa poderá cancelar o seguro a qualquer momento (basta ligar na seguradora)

2) Se o seguro for usado muitas vezes esta pessoa terá dificuldade em fazer qualquer outro seguro de auto. Ela ficará com seu CPF restrito por sinistralidade em todas as seguradoras

3) O bônus (desconto de renovação) será dela

Como cada seguradora possui a sua própria estatística de acordo com o resultado da sua carteira, é comum que exista grande diferença de custo quando cotamos o seguro do mesmo carro com perfil idêntico no mercado. Por isso, trabalhamos com as maiores e melhores seguradoras do mundo para encontrar a melhor tarifa de acordo com a característica específica de cada cliente.

Se você tiver mais alguma dúvida, envie para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. que ficaremos muito felizes em responder :-)

Manual do carro reserva!

Já faz algum tempo que eu queria escrever sobre o carro reserva, mas existem tantas variantes que resolvi fazer este post em forma de tópicos. Vamos lá!

Alguns fatos:

  • Quanto mais tempo de carro reserva melhor. Existem dois problemas crônicos no mercado: superlotação das oficinas (é só olhar para o lado para perceber que não existe oficina suficiente para atender a quantidade de veículos que estão rodando por aí) e falta de peças de algumas marcas (nacionais e importadas).

  • A cobertura de carro reserva é barata. Quinze dias de carro reserva contratado na apólice custa aproximadamente o mesmo que duas diárias de um carro alugado de forma particular.

  • O carro reserva sempre será liberado em uma locadora. Assim, o segurado estará sujeito aos procedimentos da própria locadora que geralmente são: ser maior de 21 anos, ter habilitação há mais de 2 anos e um valor deixado em caução/garantia.

  • Para solicitar o carro reserva você precisa usar o seu seguro. Isso irá acontecer em caso de colisão, incêndio ou roubo.

  • Para que o carro reserva seja liberado o valor do reparo do seu carro deve ultrapassar o valor da sua franquia.

  • Normalmente o carro reserva é um veículo básico de entrada. Contudo, algumas seguradoras oferecem também a opção de um veículo mas sofisticado. Isso deve ser definido na hora da contratação.

Algumas dúvidas:

  • Se eu levar o carro em uma oficina credenciada, sempre terei direito ao carro reserva? Depende da sua seguradora. De forma geral, as seguradoras oferecem algum benefício para incentivar a escolha da sua rede de oficinas, porém nem todas concedem carro reserva neste caso. Algumas irão dar desconto na franquia.

  • Bateram no meu carro e estou sendo atendido por outra seguradora. Posso usar meu carro reserva? Depende da sua seguradora e se você tem carro reserva contratado. A maioria das seguradoras irá liberar mediante envio do aviso de sinistro e orçamento liberado (precisa ultrapassar o valor da sua franquia).

  • Meu carro estragou. Posso usar o carro reserva? Novamente vai depender da sua seguradora e do que você contratou. Hoje já existem cláusulas de carro reserva em caso de pane. Contudo isso ainda é restrito a poucas seguradoras e as coberturas mais completas dos seus respectivos portfólios

Se você tiver mais alguma dúvida, pode enviar para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. que responderemos com a maior satisfação ;-)

 

Mas como funciona a franquia?

Essa é uma pergunta que escutamos com bastante frequência e tem muita gente que faz seguro há anos e simplesmente não sabe o que é a franquia porque ninguém explicou.

Bom, vamos lá!

A franquia é a participação do segurado no “prejuízo”, simples assim.

No seguro de Auto a franquia é aplicada no conserto do veículo em caso de perda parcial, ou seja, colisão. Então se você bater o carro e o estrago não for o suficiente para caracterizar perda total seu carro vai para uma oficina e lá você pagará somente o valor da sua franquia quando os reparos forem concluídos. A diferença quem paga é a seguradora. Se houver terceiros (imagine que você bateu em um ou mais veículos) normalmente não há franquia. Você não gastará um centavo para arrumar os outros carros, fica tudo por conta da seguradora até o limite contratado. Em casos específicos é possível incluir franquia na cobertura para terceiros para reduzir o custo do seguro. Isso acontece em negociações para frotas de grandes empresas, transportadoras e viações.  

Em caso de perda total, seja por colisão, incêndio, roubo não há franquia. Você receberá o valor do seu veículo na tabela FIPE do mês da indenização e sua apólice é cancelada.

E se meu carro for roubado e recuperado avariado pela polícia?

O processo é o mesmo de uma colisão, seu veículo irá para uma oficina. Se o orçamento ficar muito alto você receberá a indenização integral sem franquia, caso contrário os reparos serão autorizados e você pagará a franquia direto na oficina.

No demais ramos (tipos de seguro) a franquia normalmente é um percentual do prejuízo com um valor mínimo. Por exemplo: a cobertura de vendaval no seguro residencial tem uma franquia de 10% dos prejuízos com mínimo de R$ 1.000,00 (isso varia de acordo com a seguradora e o risco coberto). Neste caso a franquia é deduzida da indenização, então em um sinistro de vendaval que causou um dano de R$ 15.000,00 o segurado receberia R$ 13.500,00.

Vale a pena ressaltar que a franquia é sempre inversamente proporcional ao custo do seguro. Quanto menor a franquia maior o custo, uma vez que a probabilidade de acionar a apólice aumenta.

Se ainda ficou alguma dúvida, mande um email para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. que ficaremos felizes em responder :-)

2017 = INOVAÇÃO!

Este ano foi cheio de novidades aqui na Famacor:

  • Adotamos o envio do Kit Digital por email (apólice + carnê de pagamento + cartão da assistência 24 horas)
  • Lançamos nosso aplicativo (MySeg Famacor)
  • Criamos um robô para atendimento rápido no Whatsapp 24 horas por dia (SEGfredo)

Tudo isso para que você nunca fique em apuros. Sabemos que por melhor que sejam as coberturas, o seguro sempre será usado em um momento crítico. Por mais que as perdas financeiras sejam reparadas não tem como fugir do stress (infelizmente). Mas podemos minimizar este transtorno e não há nada pior do que ficar perdido sem saber o que fazer. Se você tiver instalado o APP (terá sempre todos os dados do seu seguro atualizados: seguradora,  fone da assistência, franquias, forma de pagamento etc) e adicionado o SEGfredo no Whatsapp (dúvidas rápidas 24 horas por dia) não passará perrengue.

Nosso atendimento pessoal permanece igual (nossa missão é ajudar pessoas), porém agora você conta com novas ferramentas rodando 24 horas por dia, 7 dias por semana a sua disposição em todos os momentos em qualquer lugar.

  • 1
  • 2

MAIS INFORMAÇÕES

(41) 3362-1020
[email protected]
08:30h–12:00h e 13:30h 18:00h
R. Conselheiro Carrão, 410 - Loja 01 - Juvevê, Curitiba - PR, 80040-130


Famacor Seguros © 2017 - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: